Indico – música

Feriado combina com música. Aliás, tudo combina com música. E é nesse clima de descanso que o Indico- Música vai ao ar hoje. Quando escrevi o post Bandas de Lá, pensei em colocar em seguida a música Feriado Pessoal de Bruna Caram, mas acabei esquecendo. Hoje Luquinhas “tuitou” o clip dessa música (e eu, apaixonada por stop motion, achei super fofo) para noticiar que dia 01 de outubro ela estará em Recife abrindo o show da Zélia Ducan no Teatro da UFPE. Ah, nesse contexto também cabe a música Caminho pro Interior da mesma Bruna.

A música é relaxante e ao mesmo instigante pra quem tá a fim de soltar os cachorros e pedir pra todo mundo (ou alguém em específico) largar do seu pé! Além de que Bruna é linda, tem uma voz madura e ao mesmo tempo doce, que encanta e anima.

Segue abaixo o release oficial do site da Bruna:

Seja das ondas do rádio onde soava a voz de sua avó Maria Piedade, seja dos saraus e rodas de choro da família, Bruna Caram respira música desde os primeiros soluços. Nascida em Avaré (SP), berço do tradicional festival de MPB, Bruna caiu cedíssimo em caldeirão de sofisticadas referências musicais e, aos 7 anos, já estudava piano. Aos nove, ingressou nos Trovadores Mirins.
Depois, aos quinze, foi para a “divisão principal” dos Trovadores Urbanos, onde ganhou jogo de cintura e valiosa quilometragem em contato com os mais diversos tipos de público. “Um dia, um cara nos contratou e disse: ‘capricha, que é reconciliação’. Chegamos lá e a menina chorava tanto que interrompemos a serenata no meio. Ela estava arrasada”, lembra Bruna.
O empurrão para a carreira solo veio pela indicação da tia Lucila Novaes. O compositor Otávio Toledo retirou do baú de memórias uma série de composições que havia feito aos 18 anos e pediu a Lucila que cantasse. Ela indicou uma sobrinha, aquela garotinha dos Trovadores, que estava com 19 anos. Assim nasceu “Essa Menina”, álbum de estréia de Bruna, lançado pela Dábliu Discos em
2007.

Bruna agarrou o projeto como se fosse seu e imprimiu sua marca. “Ficou tudo com o meu jeito, não corri o risco de me deixarem de lado. Participei da produção, mas rolou um medinho”, entrega. O álbum, que foi lançado no Japão em 2007 com enorme sucesso, traz somente canções de Otávio Toledo e de seus parceiros musicais, J.C.Costa Netto e Juca Novaes. Uma delas, “Palavras do Coração”, alcançou grande rotação nas rádios e alçou Bruna ao posto de uma das grandes promessas da MPB.

Prestes a se formar em Educação Musical pela UNESP, Bruna lança seu segundo álbum, “Feriado Pessoal”, também pela Dábliu. Com produção de Alexandre Fontanetti (Rita Lee / Zélia Duncan), o trabalho traz três releituras além de composições inéditas, revelando uma nova safra de artistas brasileiros escolhida a dedo para impor o frescor que Bruna traz à música brasileira. Na capa, ela aparece rindo, radiante, no alto do edifício Copan, 35 andares acima do chão paulistano. Parece caçoar do horizonte de prédios, do cinza, da pressa, da síndrome do pânico a cada esquina. E é por aí mesmo. “Minha idéia era: esse som vai atravessar a cidade”, confirma Bruna.

Para saber mais: Blog / Site / My Space

Anúncios

Tags: , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: